“BAQUAQUA”CHEGA A BELO HORIZONTE
11/05/2022 15:14 em Novidades

ÚNICA BIOGRAFIA DE UM NEGRO ESCRAVIZADO NO BRASIL, “BAQUAQUA”CHEGA A BELO HORIZONTE

Baseado em autobiografia de homem escravizado da África ocidental, espetáculo realiza curtíssima temporada no Teatro Marília

Muitos foram os negros africanos que cruzaram o Atlântico em direção ao Brasil na condição de escravos, mas raras foram as vozes que conseguiram traduzir os horrores da escravidão. Mahommah Gardo Baquaqua é uma rara exceção. E é amparado pelos registros publicados na autobiografia“An interesting narrative - Biography of Mahommah G. Baquaqua” que Rogério Athaydedesenvolveu a dramaturgia do espetáculo “BAQUAQUA”, se apresenta entre os dias 26 a 29 de maio às 20h (quinta a sábado) e às 19h (domingo)em curtíssima temporada no Teatro Marília. Dirigida por Aramis David Correia e com preparação corporal da premiada atriz Tatiana Tiburcio, a montagem apresenta o ator Wesley Cardozo no papel de Baquaqua e narra a história de vida do homem que foi escravizado e traficado da África para o Brasil durante o século XIX.

“Não é um tema fácil de se tratar. É espinhoso, é triste e é atual, pois seus reflexos ainda estão aqui hoje. Não nos livramos da escravidão; ela permanece no cotidiano de vários ‘Baquaquas’ invisibilizados da nossa sociedade. Três instâncias me motivam a ser um agente de transformação: ser ator, ser professor e ser um homem negro. E, como um agente social, tenho que levar essa história que é nossa e de nossa ancestralidade para o máximo de pessoas que conseguirmos”, resume Wesley, também diretor de produção do projeto.

Nativo da região ocidental da África, Baquaqua escreveu aquela que até hoje é considerada a única autobiografia de um ex-escravizado que viveu no Brasil. A trajetória se inicia no Benin e tem passagens por Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Nova York, Haiti e Canadá, expondo todas as atrocidades da escravidão e seus reflexos nos dias de hoje.

A peçatraz do universo literário para os palcos os relatos de um escravo em um país estrangeiro e nos faz refletir sobre outras milhares de histórias de pessoas que foram sequestradas do continente africano. Só para o Brasil,estima-se que mais de 5 milhões de negros foram traficados e escravizados. Mas por que essa história? Por que entre tantas histórias escolheu-se contar essa?

“Era uma necessidade latente de voltar aos palcos depois de alguns anos e sobretudo com um personagem histórico, que nos convida a olhar para esse tema da memória da escravidão e como foi isso no Brasil e no mundo, só que a partir de um olhar da pessoa que foi escravizada. Então, tem realmente um olhar muito sensível desse personagem. Essa volta ao passado para entender esse presente que a gente está e saber para onde a gente segue”, discorre Aramis.

Atrajetória de Baquaqua ilumina parte da história do negro no Brasil, trazendo à tona temas importantes para serem entendidos, como a escravidão, a sociedade escravista, os estereótipos do escravo, dentre outros pontos.O espetáculo vai levar o público aos horrores do passado, a uma reflexão sobre o presente e pretende contribuir para um futuro melhor, ajudando a formar novas gerações mais conscientes e capazes decompreender mais a fundo a real diáspora africana nas Américas.

FICHA TÉCNICA:

DRAMATURGIA _Rogério Athayde

a partir da biografia de Mahommah Gardo Baquaqua & Samuel Moore

TRADUÇÃO_Robert Krueger

DIREÇÃO_Aramís David Correia

ATOR_Wesley Cardozo

PREPARAÇÃO CORPORAL_Tatiana Tiburcio

DIREÇÃO DE PRODUÇÃO_Dagba Produções

FIGURINO_Carla Costa

ILUMINAÇÃO_Wilson Reiz

DIREÇÃO MUSICAL_Fabio Simões Soares

CENÁRIO_Silvia Portugal

ASSISTENTE DE FIGURINO_Cassia Salles

CENOTÉCNICO_Rostand Albuquerque (Galpão6centos Cenografia)

PROGRAMAÇÃO VISUAL_Douglas Zacharias

VISAGISMO_Bruno Matsolo 

FOTÓGRAFA_Fernanda Dias

Serviço:

Teatro Marília

Av. Prof. Alfredo Balena, 586 - Santa Efigênia, Belo Horizonte - MG, 30130-100

Quinta, sexta, sábado e domingo

Tel.: (31) 3277-6319

Data e Horário: 26 e 29 de maio às 20h (quinta a sábado) e às 19h (domingo)

Ingresso: R$ 40,00 (inteira) / R$ 20,00 (meia-entrada)

Contato para entrevistas – Wesley Cardoso 55 21 99758-5606

 

Assessoria:

Aclive Comunicação e Projetos

+55 31 97527-0892

98703-8902


 
 
COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!