Caixa Acústica 2018 valoriza intérpretes mineiros de várias tendências musicais
12/04/2018 - 18h34 em Música

Caixa Acústica 2018 valoriza intérpretes mineiros de várias tendências musicais

 

Projeto Caixa Acústica BH 2018

Local: Teatro Santo Agostinho BH (Rua Aimorés, 2679, bairro Santo Agostinho)

Período: 05 a 26 de maio de 2018

Horário: Sábados, 19h

Preços dos ingressos: R$ 40 (inteira), R$ 20 (meia entrada para menores de 21 anos, estudantes e maiores de 60 anos) e R$ 17 (com antecedência pelo site www.sympla.com.br/tw). A venda na internet se inicia a partir do dia 14 de abril de 2017. A bilheteria do teatro abre duas horas antes das apresentações.

Mais informações podem ser obtidas pelo site: http://bh.santoagostinho.com.br/teatro

Fotos em alta resolução: https://www.flickr.com/photos/twarte/

Assessoria de imprensa: Luciana Braga (31) 98742-9632

Produção: Thelmo Lins (31) 99991-6653

Telefone de teatro: (31) 2125-6810

 

Shows acontecem aos sábados de maio, no horário alternativo de 19h

 

            A TW Cultural e o Teatro Santo Agostinho BH apresentam o projeto Caixa Acústica 2018. Este ano, o evento comemora cinco anos de existência, sempre pautado por encontro musicais de artistas de gerações e tendências musicais diversas. O projeto marca, também, o início das comemorações de 20 anos do teatro, fundado em novembro de 1998.

            O Caixa Acústica 2018 vai apresentar quatro shows, ao invés dos oito das edições anteriores. Eles acontecem sempre aos sábados do mês de maio, no horário alternativo de 19h, em atenção aos pedidos feitos pelos espectadores em pesquisa realizada pela administração do espaço cultural. Desta vez também não foi feito um edital para a escolha dos artistas. A programação foi desenvolvida por Thelmo Lins, produtor do projeto. A proposta é valorizar os intérpretes mineiros.

O evento tem o apoio do Colégio Santo Agostinho.

 

 

AGENDA CAIXA ACÚSTICA 2018

 

05 de maio, 19h – Tizumba e Laura Catarina homenageiam Vander Lee e Flávio Henrique

12 de maio, 19h – Regina Milagres e Wagner Cosse no show Querelas do Brasil

19 de maio, 19h – Anthonio, Flavia Simão e Marcos Costa no show Clariô

26 de maio, 19h – Veronez e Davi Fonseca no show Narciso deu um Grito Acústico

 

VEJA UM BREVE RELEASE DE CADA ESPETÁCULO

 

 

Tizumba e Laura Catarina homenageiam Vander Lee e Flávio Henrique

05 de maio, 19h

 

O multiartista Maurício Tizumba e a cantora e compositora Laura Catarina abrem a programação do Caixa Acústica 2018 homenageando dois queridos compositores mineiros, falecidos recentemente: Vander Lee e Flávio Henrique. O repertório viaja pelas canções dos dois artistas, que tiveram suas carreiras interrompidas tão bruscamente no auge de suas produções artísticas. Obras do cancioneiro desses autores serão relembradas no palco por Tizumba, um dos nomes mais emblemáticos da cena mineira e por Laura, filha de Vander Lee. No programa constam Casa Aberta (Flávio Henrique e Chico Amaral), Carol e o Filho da Atriz (Flávio Henrique e Tizumba), A Voz, Desejo de Flor, Garota Shopping Center, Neném, Céu Azulou e Iluminado, todas de Vander Lee.

 

 

Regina Milagres e Wagner Cosse no show Querelas do Brasil

12 de maio, 19h

 

            A cantora Regina Milagres e o cantor Wagner Cosse apresentam o show inédito Querelas do Brasil, que traz um repertório fortemente marcado por temas de cunho social e político, refletindo o momento conturbado que vive o país. Os artistas privilegiam obras de grandes compositores brasileiros, como Caetano Veloso, Jorge Benjor, Lenine, João Bosco e Aldir Blanc, Chico Buarque, Renato Russo, Cazuza, Paulo César Pinheiro, Tavinho Moura, Vander Lee, Guilherme Arantes, dentre outros. No roteiro, estão Canto das Três Raças, Blues da Piedade, Construção, Que País é Esse?, Juízo Final, Do Brasil e outras pérolas. A direção musical é de Rogério Delayon, com participação do baixista Sanchez Almeida e do baterista Paulo Frois.

           

 

Anthonio, Flavia Simão e Marcos Costa no show Clariô

19 de maio, 19h

 

O cantor e compositor  Anthonio, se reúne com a cantora  Flávia Simão e o compositor e instrumentista Marcos Costa no espetáculo Clariô, em estreia na capital mineira. O show traz à tona várias temáticas da brasilidade, como o sertão, o interior e todo sagrado presente nas mais variadas vertentes de nossa fé. Além da canção inédita em homenagem a Clara Nunes, “Filha de Luz e Candeia”, composta por Anthonio e Marcos Costa, o roteiro traz canções de Chico Amaral, Flávio Henrique, Yuri Popoff, Fernando Brant, Clementina de Jesus, Túlio Mourão, Milton Nascimento, Caetano Veloso, Flávio Venturini, Dori Caymmi, Dominguinhos, Paulo Cesar Pinheiro, João Nogueira, Dorival Caymmi e Gilberto Gil. Os cantores serão acompanhados por Marcos Costa nos violões, que também assina a direção musical, por Sebastian Bauxita na percussão, e Victor Figueiredo no baixo.

 

 

Veronez e Davi Fonseca no show Narciso deu um Grito Acústico

26 de maio, 19h

 

Veronez lança, no Projeto Caixa Acústica, seu novo show acústico, acompanhado pelo pianista Davi Fonseca. O cantor, que desenvolve uma pesquisa relacionada à performance e presença cênica dentro de seu trabalho na música, escolheu o formato de recital para se aventurar na mistura de textos e músicas, realçando ainda mais essa pesquisa pela qual é conhecido. No repertório, músicas de seu disco “Narciso deu um grito” lançado em setembro de 2017, textos de Marina Viana, Déa Trancoso e Milena Torres, e algumas outras interpretações inéditas na voz do cantor, passando por referências como Lou Reed, Dalva de Oliveira e Sérgio Sampaio, escolhidas especialmente para o Projeto Caixa Acústica. Dentre as canções, estão Nunca Vi (Marku Ribas), Narciso (Millena Torres), Ventilador (Di Souza e Silvia Lima), Aquele Rockzim (Luiz Gabriel Lopes e José Luís Braga), Lua Cheia (Letícia Coura), Meu Pobre Blues (Sergio Sampaio) e Céu da Vibração (Gilberto Gil). 

  

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!