Cia Baobá Minas Comemoração dos 10 anos do Prêmio Zumbi de Cultura
29/11/2019 14:43 em Música

Cia Baobá Minas

Comemoração dos 10 anos do Prêmio Zumbi de Cultura

 

Novembro é marcado pelo Dia da Consciência Negra. Um dos eventos relacionados à data, em BH, é o Prêmio Zumbi da Cultura, que recentemente celebrou 10 anos de existência, com sua 10ª edição sendo realizada em 20 de novembro de 2019.

A premiação é distribuída nas categorias dança, teatro, música, religiosidade, literatura, educação, manifestação cultural, personalidade negra, menção honrosa, protagonismo juvenil e atuação política. As personalidades homenageadas na noite foram: Venância Gonçalves (Matriarca do Quilombo Buriti do Meio/ São Francisco/MG) - Menção Honrosa, Zora Santos (Teatro), Babilak Ba (Música), O Quilombhoje (Literatura), Vera Lúcia de Jesus (Dança), Gabriel Ricardo Moura (Protagonismo Juvenil), Deolinda Alice dos Santos (Religiosidade), Cassia Cristina – (Atuação política), Angola Janga (Manifestação Cultural), Angela Gomes (Personalidade Negra), Mestre Primo (Grupo Iúna de Capoeira Angola) - Menção Honrosa.

O projeto é idealizado por Júnia Bertolino, da Cia Baobá Minas, e o prêmio é confeccionado pelo artista plástico Jorge dos Anjos. Realizado através de parcerias com grupos culturais da cidade, com o apoio do Sesc Palladium, Fundação Clóvis Salgado, Secretaria Municipal de Cultura e MM Gerdau -  Museu das Minas e do Metal. O patrocínio é da Rock Content.

Além da premiação, dando continuidade às festividades do Prêmio, serão realizadas, no mês de dezembro, também outras atividades, como roda de conversas, exibição de documentários e apresentações artísticas.

No dia 01 de dezembro às 15h, no Centro Cultural Alto Vera Cruz, acontecerá apresentações artísticas. As atrações são Cia. Baobá Minas, Carlos Afro & Cia, Babadan - Banda de Rua e Intervenções poéticas.

Já no dia 07 de dezembro às 15h, no Centro Cultural de Venda Nova, as apresentações ficam por conta da Cia. Baobá Minas, Conversamba e Intervenções Poéticas. Em ambos os dias ocorrerão atividades como exibição de vídeos e roda de conversas. A entrada será gratuita.

Sobre a Companhia Baobá Minas

Criada em 1999, por Júnia Bertolino, a Companhia busca abordar o cotidiano do negro, a cultura, ritmos, poesia e dança afro-brasileira no intuito de trazer para o público uma imagem do negro em toda sua beleza e altivez.

Além disto, objetiva mostrar a cultura popular das diversas comunidades do território nacional ressaltando valores e temáticas importantes nesta cultura como a oralidade, memória, ancestralidade e identidade, sobretudo o notório saber dos mestres populares e a valorização da cultura de matriz africana.

A Cia Baobá Minas nos apresenta o seu espetáculo, intitulado “Mulheres de Baobá”, que nos traz declamações performáticas de poemas brasileiros e textos de ´poetisas, escritoras e performers focadas em retratar a narrativa africana e afro-brasileira.

A Companhia Baobá Minas já nos presenteou com várias outras performances, visto que já atua há 20 anos na cena artística nacional. Suas performances iniciais foram “Fertilidade” e “Canto de Amani”. Outras que valem a pena ser relembradas são o espetáculo “Quebrando o silêncio” e o “Ancestralidade: Herança do Corpo”. A Companhia Baobá Minas também realiza diversas ações na cidade, em Centros Culturais, escolas públicas e fóruns.

Já participou em encontros como a COPENE – Congresso Brasileiro de Pesquisadores Negro(as), Fórum Social Mundial, FAN – Festival de Arte Negra de BH, FIT – Festival Internacional de Teatro, Encontro de Cultura e Raiz, Fórum Social Mineiro, Encontro de Mulheres Negras, Conferência de Cultura, Fórum Nacional de Performance Negra, entre vários outros eventos.

Em 2015, a Cia Baobá Minas viajou até a cidade de Berlim, na Alemanha, levando sua performance ao Fórum Brasil-Alemanha. Esta viagem foi possível devido ao programa Circula Minas da Secretaria de Estado de Cultura-SEC. Nesta mesma viagem, a idealizadora da Companhia, Júnia Bertolino, também ministrou a oficina “Corporeidades Negras Afro Brasileiras”.

Júnia também esteve apresentando com a Companhia Baobá na Itália, em Roma, no Festival Internazionale del Folklore. Em 2010 e 2011 participou do III Festival Mundial de Artes e Culturas Negras em Dacar, no Senegal, e também esteve em Cabo Verde e Guiné Bissau, desta vez como pesquisadora.

Celebremos os 20 anos de atuação da Cia Baobá Minas, no aguardo por suas próximas performances e iniciativas de tão significativa relevância social.

Programação:

* 01/12 (domingo) às 15h - Centro Cultural Alto Vera Cruz

R. Padre Júlio Maria, 1577 - Vera Cruz

Exibição de vídeo e roda de conversa

Atrações: Carlos Afro & Cia, Cia Baobá Minas, Babadan - Banda de Rua e Intervenções poéticas

Entrada gratuita

Informações: (31) 3277-5612

 

* 07/12 (sábado) às 15h - Centro Cultural Venda Nova

R. José Ferreira dos Santos, 184 - Jardim dos Comerciários

Exibição de vídeo e roda de conversa

Atrações: Conversamba, Cia Baobá Minas e Intervenções Poéticas

Entrada gratuita

Informações: (31) 3277-9504

 

Júnia Bertolino Idealizadora do Prêmio Zumbi de Cultura e diretora da Cia Baobá Minas) – (31) 99917-6762

Programação completa nas páginas. Prêmio Zumbi de cultura e Cia Baobá Minas.

Foto: André Oliveira

Assessoria de Imprensa

Luciana Braga – (31) 98742-9632

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!